Lixões tomam conta de São Luís enquanto Braide gasta R$ 7 milhões com jardinagem

O Instituto Municipal de Paisagem Urbana (Impur) de São Luís aditivou pela quarta vez o contrato que possui com a empresa B M DE ALMEIDA EIRELI para “serviços de jardinagem e manutenção paisagística de logradouros públicos e manutenção de campos de futebol”.

Com o novo adicional, o acordo passou do valor de R$ 5.928.455,13 para R$ 7.696.134,29. O aumento líquido é de quase R$ 1,7 milhão.

A empresa contratada, que tem o nome-fantasia de Evolution Serviços, realiza serviços como poda, capina, roçagem e plantio, além de manutenção e operação de sistemas como o de transfer, realizado através de ônibus em aeroportos.

Se o paisagismo está “em dia”, a limpeza urbana está em falta. Bolsões de lixo se multiplicam por toda São Luís, sem que se tenha notícia de maiores investimentos no setor. O descarte irregular não é reprimido de maneira adequada pela Prefeitura, que deixa a sujeira acumular a olhos vistos até que se disponha a recolher.

Deixe uma resposta