Madeira corta conteúdo adulto da TV de Brandão

A Casa Civil do Governo do Maranhão destacou dois servidores da Casa para fiscalizar o cumprimento do contrato do Estado com a Maxx (antiga TVN), para fornecimento dos serviços de TV por assinatura na secretaria sob comando de Sebastião Madeira, além da vice-governadoria e do Palácio dos Leões.

Um detalhe que chama atenção, no entanto, é a exclusão dos canais de conteúdo adulto do pacote contratado. O objeto do contrato é claro: “prestação de serviços de TV por assinatura digital em HD (high definition), com pacote de serviços e programação completa, excluindo-se os canais com conteúdo adulto”.

Segundo o site da empresa, o único canal do tipo fornecido pela Maxx é o Sexprivé, joint venture entre a produtora Brasileirinhas e o Grupo Bandeirantes. Uma curiosidade é que a antiga TVN não fornece os canais do Grupo Globo, como GloboNews e SporTV, considerados os de maior audiência da TV paga.

Deixe uma resposta